26/09/2016

Dormir em pára-arranca

Sou uma pessoa de sono leve (que inveja do meu filho que dorme como uma pedra! até uma festa se pode fazer no quarto, que ele não dá por nada), por isso, esta noite com o "meia velha" (leia-se o gato minorca) a comer a cada 2.5 horas foi uma maravilha! De manhã, depois de levar o marido e o filho às respectivas paragens para apanharem os respectivos autocarros, vi que ainda tinha uma horinha antes do trabalho para uma sesta.
Passado um bocado recebi uma SMS do meu filho, passado um bocado tocou um alerta do calendário, passado um bocado recebi ums SMS do Pingo Doce, passado um bocado ligou-me o marido, passado um bocado passou o rebanho de ovelhas nas traseiras, como todos os dias, e a minha companheira de sesta ladrou até lhe abrir a porta para ir fazer o seu papel de cão,...

Vidas!

PS. Sonhei duas vezes com ovelhas.

Sem comentários:

Enviar um comentário