31/03/2015

Sair do armário

Acordei às 4h da manhã estremunhada com um barulho dentro do guarda-fato (guarda-fatos, guarda-vestidos, guarda-roupa, o que quiserem). Fiz contas à bicharada rapidamente (tão rapidamente quanto possivel) e lembrei-me que a gata não tinha entrado para vir dormir. Pois, claro que não, estava enfiada no armário a fazer uma sestinha!

Casas com animais e/ou crianças: está sempre qualquer coisa a acontecer.

Sem comentários:

Enviar um comentário