02/04/2014

Mas o que é que se ganha com isso?

Esta pergunta enerva-me profundamente. Mesmo! Faz-me uma confusão dos diabos as pessoas não conseguirem fazer nada sem questionar o que podem receber em troca, como se tudo na vida tivesse que trazer um ganho. Atenção, não estou a falar de trabalho, que como é óbvio tem de nos trazer algum ganho que se não a vidinha não anda para a frente. Estou a falar de algo que se pode fazer pelos outros, que pode fazer toda a diferença.

Chamem-me ingénua (pronto, sou um bocadinho, tenho de admitir), mas ainda acredito no dar sem querer nada em troca. Em fazer um favor, em estender a mão, em ajudar sem contrapartidas. Por isso, irrita-me que as pessoas esperem sempre alguma coisa, que as pessoas que fazem algo de bom tenham de levar com o epíteto de "Madre Teresa" (mas pensas que és a Madre Teresa ou quê?) com aquele toquezinho de desprezo na voz, que questionem os outros com a variante "que é que tu ganhas com isso". E às vezes até se ganha, muito mais do que se deu, sem sequer termos esperado.

Questionam-me muitas vezes o que é que eu ganho em ser dadora de sangue/ doadora de medula. Podia dizer que não ganho nada, mas não é verdade. Basta abrir o Facebook para choverem apelos de pessoas que precisam de sangue ou de um transplante. E crianças, tantas crianças. E o meu coração de mãe só pode amarfanhar-se ao tentar imaginar a dor daqueles pais, daqueles irmãos, daqueles filhos, ao olhar para o meu filho e saber que há coisas das quais não posso protegê-lo, ao saber que a doença não toca só aos outros. Podemos ser uma diferença na dor e no sofrimento dos outros, podemos salvar uma vida, por Deus, uma vida! O que mais se pode esperar em troca? Não é um ganho suficiente?

Oh, pessoas, a vida dá muitas voltas. E sabem, a vida não gira em torno do vosso umbigo, há muito mundo lá fora. Se um dia a vida vos virar de pernas para o ar, será bom ter alguém disposto a dar sem ganhar nada com isso, não é?


[Como acérrima defensora das dádivas de sangue/ medula, peço-vos que tirem um bocadinho para dar um pouco de vós, não custa assim tanto e pode realmente fazer a diferença. Espreitem aqui]


5 comentários: